Imaginação é uma merda

Cada dia eu me impressiono mais com a capacidade que a mente da gente tem de sonhar bizarrices. Ela vai juntando fatos bobos do dia com coisas que você já viu em filme, etc., e faz uma história muito Salvador Dali no meio da noite.

Bom exemplo foi meu sonho de sábado pra domingo. Contarei.

Não sei porque pavada eu e mais um cara X que não sei quem é, tínhamos que brigar, na porrada mesmo, com mais dois outros caras. Tipo, éramos uma dupla de briga e tal, e íamos bater em mais uma dupla. Coisa de macho briguento, que coça o saco e cospe no chão.

O problema é que os outros dois caras eram capoeiristas. Um era um magrelinho, tal. O outro era um negão 4x4 turbo, Tony Tornado way of life. O cara que era minha dupla, legal pra caraleo, foi logo peitando o magrelo. Me sobrou o Montanha.

Lembro que pensei algo bem simples e claro: FODEU! - Pensava o que eu poderia fazer pra vencer o capoeirista gigante, sendo que nem brigar eu sei. Tive uma brilhante idéia. Vou distrair ele, e quando ele tiver distraído, golpearei-o-o.

Foi então que a parte mais bizarra do meu cérebro entrou em funcionamento.

Eu comecei a dançar e cantar a DANÇA DA VASSOURA, do Molejo, em volta do negão. Cara, que patético eu sou até no sonho!

Diga aonde você vai
Que eu vou varrendo
Diga aonde você vai
Que eu vou varrendo
Vou varrendo, vou varrendo
Vou varrendo, vou varrendo

Varre prá esquerda
Varre prá direita
Levanta poeira
Que essa dança é porreta.

Depois de o negão ficar me olhando com cara de "Whaddafuck!?!?" eu simplesmente dei uma voadora no peito dele. Foi pro chão. Comecei a bicudar as costelas do bitelo. Peguei ele pelo cabelo e comecei a socar a cara dele até ele desmaiar. Quando ele estava desacordado, saí correndo.

O lugar era próximo da casa da minha tia, não sei como. Sei que entrei correndo pra casa da minha tia, entrei no banheiro, e da janela vi que o monstro estava acordando.

Pensei: FODEU! Ele vai me achar, e eu to fudido!

Foi então que tive a brilhante idéia. Me escondi no banheiro! Claro! Mas também pensei que se eu trancasse a porta ele iria arrombar. Pois então fiquei escondido atrás da porta.

CACETE! Eu sou 'pagapau' até em sonho!

E acordei. Ao menos foi antes de tomar uma surra de um negão capoeirista. E ainda dei porrada.
Não, eu não assisti 'Besouro' ainda. Vou sair do cinema dando 'chute na lua'.

- Qualquer coisa chama o Andrezééééénho!


6 comentários:

Postar um comentário

 

Autores

Minha foto

Corinthiano Apostólico Romano, trabalhador do petróleo brasileiro, empreendedor da Santa Querupita Clothing Co., fotógrafo, corredor, mountain biker, Lu Patinadora e apaixonado pela Ilanna.

Apoio