Um Drink no Inferno. A nova série do Netflix pra quem não é fã da Saga Crepúsculo


A dupla Quentin Tarantino e Robert Rodriguez há tempos faz a alegria dos viciados em filmes com muito sangue, clichês (no bom sentido), tomadas em close e personagens icônicos. Foi assim em Um Drink no Inferno, de 1996, que o Netflix decidiu reviver em uma nova série.

Sorte a nossa que o canal de streaming americano faz muito sucesso na terra do hamburguer e do queijo cheddar. Ótimas produções como House of Cards e Orange is the new black estão saindo do forno, e pelo andar dos Dodge Chargers, isso é só o começo.

Ao contrário do que tem sido comum nas produções próprias, o Netflix liberará um episódio por semana de Um drink no inferno. A estréia de Robert Rodriguez na TV terá 10 episódios na sua primeira temporada, sendo que a primeiro já está disponível e contará a história dos irmãos Gecko (George Clooney e Tarantino no filme e D.J. Cotrona e Zane Holtz na série), dois assaltantes que roubaram um banco e terão de atravessar a fronteira com o México antes que o diabo os carregue a Polícia os alcance. No caminho, uma parada em um bar de striptease colocará além da polícia e de bandidos mexicanos, vampiros fungando no cangote dos fugitivos que terão que lutar até o amanhecer para sobreviver.

Neste primeiro episódio já deu pra sentir bem qual vai ser a pegada da série. A mesma dos filmes do diretor. Muito sangue e claro, os personagens icônicos. Porém, a primeira impressão é de que falta carisma. Não sei se Rodriguez conseguirá desenvolver uma boa empatia entre o telespectador e os personagens. Mas até aí, minha primeira impressão de Breaking Bad não foi das melhores e deu no que deu. Desta vez eu gostei, bastante por sinal. E espero ansiosamente pelo próximo episódio, recheado de vinganças, sangue, vampiros que não brilham ao sol e Texas Rangers.

"Okay hard drinkers, let's drink hard. I'm buyin'." Seth Gecko.


0 comentários:

Postar um comentário

 

Autores

Minha foto

Corinthiano Apostólico Romano, trabalhador do petróleo brasileiro, empreendedor da Santa Querupita Clothing Co., fotógrafo, corredor, mountain biker, Lu Patinadora e apaixonado pela Ilanna.

Apoio