A volta dos que não foram


Tanto tempo sem escrever aqui no blog. Eu tenho sentido falta. Claro, porque alguém tem que sentir falta dos meus textos no blog. Nem que essa pessoa seja eu mesmo.

Muita coisa passou. Em meio ao bolão do Lado B na Copa, muita água passou por baixo da ponte. Se bem que poucas coisas estão em baixo da ponte hoje em dia, já que a Ponte Preta tá em 15º lugar na série B.

Quem não conhece, por exemplo, o Polvo Paul? O Polvo adivinho da copa do mundo acertou tudo que previu. Ganhou uma camisa da Espanha e deu um beijinho na taça. Dizem que colocaram o famoso fruto do mar para prever as eleições brasileiras. O ser t
entacular agarrou com força o cubo com a foto da Dilma. Mas analizando bem, viram que não era um polvo, mas sim, LULA.

E quem diria que em uma Copa do Mundo, Ri
quelme seria a sensação? Não o queridão Roman Riquelme, argentino. Mas a paraguaia Larissa Riquelme. Não se fala em outra bunda coisa no mundo. A mulher apareceu em tudo quanto é site, Paparazzo, PowerPoint, e dizem que fechou contrato
com a Playboy. Falta só aparecer fazendo propaganda das Casas Bahia: "Quer pagar quanto?".

Caso Bruno. Sério, nada pra falar sobre isso. Todos os meios de comunicação possíveis já falou tudo que tinha pra falar disso. Já deu o que tinha que dar. Igual a Eliza Samudio.

Mudança no comando da Seleção Brasileira depois de tomar dois gols de um cara que nem consigo pronunciar o nome direito. Sai o mano Dunga e entra o Império OtoMano. O Menezes.

Mas em alguns lugares, tudo continua igual. Não é, São Paulo?


0 comentários:

Postar um comentário

 

Autores

Minha foto

Corinthiano Apostólico Romano, trabalhador do petróleo brasileiro, empreendedor da Santa Querupita Clothing Co., fotógrafo, corredor, mountain biker, Lu Patinadora e apaixonado pela Ilanna.

Apoio